Reabertura da Ponte Hercílio Luz atrai 50 mil pessoas

O monumento mais emblemático de Santa Catarina está novamente acessível para cidadãos e visitantes, após 28 anos de interdição total. Obra de arquitetura única, a restauração do cartão-postal chegou ao ápice nesta manhã (30) com a reabertura da estrutura, quando uma multidão de cerca de 50 mil pessoas atravessou a ligação mais antiga entre Ilha e Continente, um momento emocionante.
Anfitrião do ato de reabertura, o governador Carlos Moisés destacou que, mais do que ajudar na mobilidade urbana da região da Capital, o retorno da Hercílio Luz representa um aumento da autoestima da população do estado, que finalmente sentirá o benefício de uma obra que se arrastou por anos a fio.
Embora já seja possível passear pela estrutura, o desenho original da Velha Senhora só retornará em sua totalidade em março de 2020, quando termina o contrato com a Teixeira Duarte, responsável pelos trabalhos.
Para comemorar a reabertura, o Governo do Estado promove sete dias de eventos esportivos, gastronômicos e culturais. Durante a semana, pedestres e ciclistas poderão circular pelo monumento e aproveitar as atrações gratuitas. A cerimônia de abertura ainda teve o desfile de 172 veículos antigos, que passaram por cima da Ponte.
Secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Carlos Hassler salientou que a restauração exigiu um empenho comparável ao de construir uma ponte do zero. Mais da metade das peças foram trocadas enquanto Hercílio Luz estava sustentada por estruturas metálicas que foram colocadas a partir de suportes vindos do mar.
“Essa obra só saiu do papel graças a um esforço coletivo. São muitas pessoas que ajudaram para que hoje nós pudéssemos fazer essa reabertura, que é praticamente um presente de Ano Novo para todos os catarinenses. A empresa Teixeira Duarte, desde que assumiu, fez um trabalho sério e comprometido. Os órgãos estaduais, em especial os funcionários da Secretaria da Infraestrutura e Mobilidade, também contribuíram muito para que chegássemos a esse ponto”, reforçou o secretário.
Com 821 metros de comprimento e inaugurada há 95 anos, a ponte da Capital é a única ainda de pé com o vão central suspenso em barras de olhal. Durante o trabalho de restauração da Hercílio Luz, todas as barras de olhal e cabos pendurais foram trocados, o que exigiu um gigantesco esforço de engenharia.
No decorrer dos últimos anos, milhares de trabalhadores se esforçaram para que o monumento pudesse, enfim, ser reaberto. Nesse último mês, aproximadamente 480 colaboradores trabalhavam ao mesmo tempo na Velha Senhora.
O governador Carlos Moisés ressaltou o esmero e a dedicação desses profissionais para trazer de volta à população a Hercílio Luz. “São pessoas que em muitos casos ficaram longe de suas famílias, trabalharam de madrugada, para que hoje nós pudéssemos estar festejando essa reabertura. A todos os trabalhadores da Hercílio Luz, o nosso muito obrigado”, agradece Moisés.
A Teixeira Duarte tem um imenso orgulho em participar desta restauração histórica e emblemática. Agradecemos o empenho e dedicação de cada colaborador que se envolveu nesta desafiadora empreitada.

Veja a matéria completa  publicada pelo Governo do Estado de Santa Catarina

Foto: Ricardo Wolffenbüttel / Secom

Reutilização dos materiais da restauração da Ponte Hercílio Luz

A Teixeira Duarte – Engenharia e Construções está à frente da restauração da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis. No processo de substituição total do sistema de suspensão da ponte, barras de olhal e cabos pendurais, foram utilizadas cerca de 1600 ton de estruturas metálicas auxiliares de sustentação superiores e inferiores. Estes materiais provenientes destas estruturas estão em razoável estado de conservação e servirão de base para revitalizar cerca de 532 pequenas pontes em diversos municípios do Estado de Santa Catarina.

A própria Teixeira Duarte – Engenharia e Construções venceu a licitação para elaboração dos projetos de reaproveitamento destas peças, adequando-as para a Defesa Civil proceder à entrega às prefeituras locais, para que suas administrações deem andamento às revitalizações, substituindo velhos pontilhões e/ou pontes vicinais que hoje estão em situação precária.

Esse trabalho reforça o compromisso da Teixeira Duarte – Engenharia e Construções com boas práticas de otimização de recursos em suas obras. E representará uma economia de recursos para o poder público. De acordo com o secretário da Defesa Civil Estadual, João Batista Cordeiro, o reaproveitamento desse material vai gerar quase R$ 35 milhões em economia para os cofres do Estado.

Mais detalhes sobre o processo de reutilização dos materiais estão disponíveis na matéria publicada no portal ND+.

 

Foto: Eduardo Cristofoli/ND

O impacto do planejamento da instituição de saúde em sua futura expansibilidade

Especialista em obras de alta complexidade, a Teixeira Duarte tornou-se uma das construtoras de maior expertise no que concerne à construção e infraestrutura hospitalar.

A empresa dimensiona um corpo técnico altamente capacitado, visando não somente o gerenciamento dos trabalhos contratados, mas também participando desde o início do estudo de soluções técnicas e econômicas.

Como consequência, o produto final, quando entregue, sempre incorpora a longa experiência técnica da Teixeira Duarte, obtendo um resultado final que supera as expectativas iniciais.

Três obras da Teixeira Duarte – Hospital Alvorada Brasília, Hospital Alvorada Moema e Hospital Carlos Chagas – foram destaque na revista Healthcare Management.

 

Confira a matéria completa no Grupo Mídia e na edição 62 da revista Healthcare Management.

Cerimônia marca conclusão da 1ª fase de obras do Aeroporto de Salvador

A Teixeira Duarte – Engenharia e Construções tem orgulho de ter finalizado a primeira fase das obras de modernização e ampliação do Aeroporto Internacional de Salvador. A cerimônia de entrega aconteceu na tarde desta quarta-feira (11) com a presença de autoridades municipais, estaduais e federais.

Participaram da solenidade o prefeito de Salvador, ACM Neto; o governador do estado, Rui Costa; o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas; o presidente da Agência Nacional de Aviação (ANAC), José Ricardo Botelho; Nicolas Notebaert, CEO e presidente da Vinci Airports, empresa que administra o aeroporto; e Julio Ribas, Diretor Presidente do Salvador Bahia Airport.

A reforma aumentou a capacidade total do aeroporto, de 10 milhões para 15 milhões de passageiros ao ano, e proporcionou um ambiente mais seguro, confortável e eficiente. Com valor total de R$ 600 milhões, o projeto chegou a empregar cerca de 1.200 trabalhadores. O contrato em regime EPC para execução, reforma e expansão do Aeroporto de Salvador foi adjudicado ao consórcio liderado pela Teixeira Duarte – Engenharia e Construções, em março de 2018, pela Concessionária do Aeroporto de Salvador, S.A, empresa do Grupo Vinci Airports.

 

Confira o filme e algumas matérias sobre a conclusão da obra e cerimônia:

 

http://transportes.gov.br/ultimas-noticias/9361-ministro-da-infraestrutura-participa-da-entrega-de-obras-do-aeroporto-de-salvador.html

https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cerimonia-marca-inauguracao-oficial-do-aeroporto-de-salvador/

https://aeromagazine.uol.com.br/artigo/aeroporto-de-salvador-conclui-primeira-fase-de-modernizacao_4825.html

https://www.panrotas.com.br/aviacao/aeroportos/2019/12/aeroporto-de-salvador-podera-receber-ate-15-mi-de-passageiros-por-ano_169861.html

Grupo Teixeira Duarte tem novo endereço no Brasil

O Grupo Teixeira Duarte apresenta seu novo endereço no Brasil. Estrategicamente localizado em um dos principais eixos empresariais de São Paulo, com excelente acesso e infraestrutura,  no Centro Empresarial Nações Unidas, ao lado da Av. Engenheiro Luiz Carlos Berrini.

Toda a equipe da Teixeira Duarte – Engenharia e Construções, Somafel, EPOS, TDGI, EMPA e Serviços Corporativos está agora reunida em um único espaço, facilitando a comunicação e a integração das diferentes áreas de atuação.

Projetado e executado pela própria Teixeira Duarte, tudo foi pensado para apoiar a melhor performance e favorecer a inovação, trazendo o futuro e a sustentabilidade para mais perto. Espaços, hubs de reunião e salas exclusivas foram criados para receber clientes diferenciados, que valorizam a interação e o relacionamento.

Mais que um compromisso com o futuro, um passo importante na trajetória de reforço, consolidação e crescimento do Grupo Teixeira Duarte no Brasil.

Anote nosso novo endereço: Av. das Nações Unidas, 12.901, 2° andar, Torre Norte CENU – Brooklin Novo, São Paulo/SP.

Serra do Rio do Rastro

Obra de contenções da Serra do Rio do Rastro foi concedida à Teixeira Duarte por R$ 19 milhões

No dia 7 de novembro, a Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade de Santa Catarina confirmou a concessão da execução das obras de contenções de taludes ao longo do trecho da estrada SC-390 na Serra do Rio do Rastro, num total de 25 pontos de atuação, ao consórcio liderado pela Teixeira Duarte – Engenharia e Construções, S.A. com 97,5%.

Trata-se de um contrato de concepção e construção, estando o projeto a cargo da empresa FGS Geotecnia – que integra o consórcio com uma participação de 2,5% – com um prazo previsto para execução de 12 meses e um valor de contrato equivalente a R$ 19 milhões.

A Serra do Rio do Rastro, localizada no sul do Estado de Santa Catarina, é um dos seus cartões-de-visita, com muitas matas e cachoeiras, paisagens únicas e uma fauna muito diversa. O trecho da estrada onde acontecerá a intervenção tem registrado inúmeros e repetidos desmoronamentos ao longo dos anos, acarretando bloqueios da estrada, o que faz com que estes trabalhos agora adjudicados sejam muito aguardados pelas comunidades locais.

1 2 3 6